10 dicas para evitar transtornos em sites de compras coletivas

06/07/2012 | Admin | 1.218 visualizações | Dicas | sem comentários

O número de reclamações contra sites de compras coletivas não param de crescer. Avaliando apenas as três maiores empresas do segmento, em 2011, o aumento das queixas, em relação ao ano anterior, foi de 1.340%. Segundo dados do Reclame Aqui, enquanto foram registradas 2.417 reclamações em 2010, no ano passado o número subiu 32.489. Com a ajuda de Mauricio Simão, diretor de marketing do ClickCupom, elaboramos uma lista com 10 dicas para evitar transtornos em sites de compras coletivas.

1) Veja se a empresa possui endereço físico e SAC no site
“Tanto o endereço físico, como o telefone para contato, devem estar disponíveis de forma fácil no site. É uma segurança a mais para o comprador, pois se ele tiver algum problema, já sabe como e onde reclamar”.

2) Pesquise a reputação da empresa em sites de defesa do consumidor
“Um passo importante para evitar dores de cabeça em portais de compras coletivas é pesquisar a reputação da empresa em sites de defesa do consumidor, como o Reclame Aqui, o Procon e o IDEC (Instituto Brasileiro de defesa do consumidor)”.

3) Confira as avaliações e selos de certificação do site
“O selo e-bit, certificação de eficiência dado a empresas de e-Commerce, é um bom parâmetro. Outro indicador importante são as avaliações dadas pelo Reclame Aqui, que variam de ‘não recomendado’ até ‘ótimo’”.

4) Consulte as redes sociais
“As redes sociais de um site, principalmente a fan page do Facebook e perfil do Twitter, podem dizer muito sobre uma empresa. Procure por comentários e experiências de outros clientes”.

5) Fique atento ao regulamento da oferta
“Preste atenção em todos os itens, principalmente na data de validade, localidade da oferta, restrições de dias e horários, prazo de entrega, necessidade ou não de frete e possíveis custos extras”.

6) Fique atento à plataforma de pagamento utilizada
“Algumas plataformas de pagamento são mais seguras que outras. Prefira sempre as que garantem a entrega do produto ou dinheiro de volta. Saiba também se ela assegura o sigilo dos dados bancários fornecidos pelos compradores”.

7) Entre em contato com o anunciante antes da compra
“Entrar em contato com o anunciante é uma forma eficiente de descobrir se a empresa realmente existe. Busque também informações adicionais, para saber se quem está fazendo o anúncio tem capacidade suficiente para atender a demanda”.

8) Exija nota fiscal na compra de produtos

“A proposta inicial dos sites de compras coletivas era vender apenas serviços. Mas com o tempo, eles também começaram a anunciar produtos. Por questões de segurança, exija sempre nota fiscal, e com o valor integral do cupom”.

9) Nunca compre de empresas em que você não fez o cadastro
“O simples fato de receber ofertas de sites em que você não se cadastrou, coloca em questão a idoneidade de uma empresa. Evite dores de cabeças e mova este tipo de e-mail para a caixa de spams”.

10) Verifique se a empresa possui uma política de privacidade
“A política de privacidade assegura ao comprador o sigilo completo de seus dados. Isso garante que o site de compra coletiva não repasse os dados bancários dos usuários”.

Fonte: Chama o Gerente 

Tags: , , ,

Deixe um comentario

Insira seus dados ou conecte-se usando sua conta no facebook

Cadastre-se no Gravatar com o mesmo e-mail sua foto aparece junto com o seu comentário.

Newsletter

Erro, e-mail inválido
Loading...Enviando...

  • O que representa maior gasto com seu carro?

    • A prestação do financiamento (41%, 23 Votes)
    • Combustível (39%, 22 Votes)
    • Ainda não tenho carro (11%, 6 Votes)
    • Impostos (9%, 5 Votes)
    • Estacionamento (0%, 0 Votes)

    Total Voters: 56

    Loading ... Loading ...
  1. 1.

  2. 2.

    Contas Online

  3. 3.

    Gbolso

  4. 4.

    Manubia

  5. 5.

    Organizze

Lista Completa


PUBLICIDADE